Coworking vs home office: saiba diferenças e vantagens de cada um!

Coworking vs home office: saiba diferenças e vantagens de cada um!
baixar-ebook-8-vantagens-dos-escritorios-compartilhados-synergyco-bannerPowered by Rock Convert

A fim obter mais liberdade profissional, cada vez mais profissionais têm buscado modelos alternativos de trabalho em diversas áreas do mercado — é isso que indica uma pesquisa feita pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), a qual mostra que 73% querem mais flexibilidade no expediente.

O coworking e o home office são conhecidos pela possibilidade de empreender sem uma sede própria, permitindo que o profissional tome as decisões importantes sobre o negócio, sem ter que depender de terceiros.

No entanto, embora esses modelos fujam da ideia de uma empresa tradicional, eles têm diversas diferenças que devem ser analisadas pelo profissional que deseja seguir um caminho mais independente. Nesse sentido, a seguir, você verá um comparativo entre o coworking vs home office, a fim de apresentar suas principais diferenças e vantagens. Acompanhe!

Coworking vs home office: quais as diferenças?

O home office vem se tornando cada vez mais famoso com o passar dos anos, principalmente graças a sua ideia de liberdade de poder trabalhar a qualquer hora e em qualquer lugar, bastando apenas um espaço em que você se sinta confortável e que tenha acesso à internet. O contato com parceiros profissionais é totalmente online, podendo contar com chats, webinars e plataformas de conversa, como o Discord.

A liberdade de poder trabalhar controlando a própria rotina é um dos aspectos principais do home office. Esse estilo de trabalho também está muito relacionado com administração, autoconhecimento e empreendedorismo pessoal, já que, para alcançar bons resultados, é preciso trabalhar de forma rigorosa e sempre buscar o equilíbrio entre uma série de questões administrativas.

Diferente do home office, o qual, de modo geral, é visto como um trabalho que preza pelo isolamento do profissional — principalmente para o autônomo — o coworking está relacionado com a interação e o networking com parceiros comerciais que, na maior parte das vezes, não trabalham no mesmo segmento que você.

Em resumo, o coworking é um modelo de trabalho baseado no compartilhamento de um espaço e de itens de escritório por diferentes profissionais. O contato e a interação diária com outros empreendedores ou profissionais liberais é o que molda a rotina de trabalho.

Os aspectos mais buscados entre os profissionais que se interessam por esse modelo são: a praticidade, por deixar de lado qualquer tipo de preocupação estrutural do espaço de trabalho, e a inovação, já que o coworking possibilita a troca de experiências com profissionais de diversas áreas do mercado — o que pode servir como inspiração para a crianção de novas estratégias, produtos, entre outros.

Vale destacar que trabalhar em coworking é uma forma do profissional ter à disposição uma série de equipamentos e serviços operacionais que, provavelmente, não teria acesso trabalhando em um espaço isolado,

Quando cada um é indicado?

Como pode ter visto, embora tanto o home office como o coworking fujam do modelo tradicional de uma empresa, eles são completamente diferentes quando comparados um com o outro. Nesse sentido, a dúvida que resta é: quando cada modelo é mais indicado?

Por incrível que pareça, não há uma resposta exata para essa pergunta. A escolha depende da análise do seu perfil e contexto profissional, da sua área de atuação e dos seus objetivos centrais para o negócio.

Você está mesmo preparado para trabalhar de forma isolada ou ainda precisa da interação com outras pessoas para administrar melhor a sua rotina? O seu segmento exige que você faça networking com outros profissionais, a fim de se destacar no mercado? Em qual dos modelos você enxerga o seu negócio crescendo com mais agilidade? Reflita sobre essas perguntas e escolha o modelo mais alinhado com as suas respostas.

Vale ressaltar que sempre é possível planejar uma rotina que intercale o trabalho em um escritório padrão de empresa, como no home office ou em um coworking.

aluguel coworking bhPowered by Rock Convert

Quais são as vantagens desses modelos?

Além de comparar as características, analisar as vantagens do coworking e do home office também é uma maneira de escolher o modelo que atenda melhor as suas necessidades. Pensando nisso, listamos as principais vantagens de cada um desses modelos independentes. Confira!

Coworking

Veja a seguir as vantagens do coworking.

Conforto

O fato de haver um ambiente com salas preparadas para longas reuniões, com uma boa infraestrutura de ar-condicionado e com todos os itens de escritório necessários para realizar o trabalho, torna o conforto uma das principais vantagens do coworking. Por causa do excesso de funcionários, é muito comum encontrar empresas maiores com serviços básicos defasados, o que não acontece nesse modelo de trabalho.

Endereço comercial

Diferente do home office, no qual o trabalho pode ser feito de qualquer lugar, o coworking é um escritório fixo que, portanto, tem um endereço comercial próprio.

Por mais que, à primeira vista, isso possa não parecer uma grande vantagem, ter uma localização geográfica exata do local de trabalho dá mais credibilidade ao profissional, além de ser uma forma dos seus clientes e parceiros comerciais te encontrarem em qualquer momento durante o horário de expediente.

Networking

Como falamos há pouco, uma das características mais buscadas pelos profissionais na hora de escolher o coworking é a possibilidade de fazer networking. O coworking une diversas pessoas com objetivos em comum e que podem trocar contatos para fazer negócios.

Nesse modelo, é extremamente normal ver pessoas trocando opiniões sobre determinados projetos, pois elas aproveitam o espaço compartilhado para também aprender um pouco mais com vários tipos de especialistas do mercado.

Home office

Veja, agora, as vantagens do home office.

Economia

Não é novidade que montar e, principalmente, manter um escritório costuma sair caro — afinal, o profissional precisa lidar com custos de móveis, equipamentos, internet, salários dos funcionários, alguém etc. É por isso que o home office é tão econômico.

Como você pode trabalhar da sua própria casa, não é necessário investir em tudo que seria preciso em um escritório, mas ter uma internet rápida e um computador para iniciar o trabalho.

Qualidade de vida

O home office aumenta a qualidade de vida de diversas formas. Além de você poder ficar ainda mais com a sua família durante a semana, o fato de não precisar se deslocar, não ter horários fixos e ter mais liberdade profissional para tomar decisões importantes diminui o stress de qualquer pessoa.

Visto que quando colocamos o coworking vs home office, encontramos diversas diferenças no dia a dia profissional, é fundamental que o empreendedor analise as suas características e vantagens com cautela, a fim de escolher o modelo que esteja mais alinhado com o seu perfil, contexto profissional e com os seus objetivos. Uma boa dica é conversar com profissionais que já trabalham nesses modelos, a fim de entender quais são os prós e contras.

Gostou de conhecer as diferenças entre coworking e home office? Ainda não sabe qual deve escolher? Entre em contato conosco! Vamos analisar e identificar qual é o melhor modelo para você no momento! 

8 vantagens dos escritórios compartilhados

Baixar ebook gratuito 8 vantagens do coworking

Guia prático para montar um plano de negócios eficiente


Siga-nos

Share This